Denegro, Oficina de Chocolates

IMG_4263

A Denegro, oficina de chocolates, fica situada em Lisboa, mais precisamente na Rua de S. Bento.

Abriu portas no ano de 2007 em Telheiras, pelas mãos de um casal Francês.

Em 2011 a loja mudou de local, para a atual Rua de S. Bento e passados dois anos, em 2013, o Chef pasteleiro António Marques que já trabalhava na Denegro desde o início, comprou a loja.

A Denegro é uma loja pequena mas acolhedora e assim que se entra sente-se logo um delicioso aroma a chocolate no ar. Este facto deve-se a duas razões, além de ter à entrada uma vitrine recheada com mais de 40 variedades de coloridos e aromáticos bombons, a Denegro é a única chocolataria em Lisboa onde conseguimos ver os chocolateiros a trabalhar na zona de produção, que fica mesmo atrás da montra de atendimento ao público.

IMG_4260

IMG_4266

IMG_4241

A Marca Denegro é registada no mundo inteiro e tem uma produção habitual de 8500 bombons por semana.

São produzidos cerca de 40-45 sabores diferentes de bombons que alternam durante o ano e têm a particularidade de serem moldados artesanalmente.

Apesar do ponto forte da loja serem os bombons, na Denegro também se produzem deliciosas trufas (canela, vinho do Porto e alfazema), macarons e bolos.

Em 2014, o Chef António Marques concretizou um sonho que tinha, criou a sua própria marca de chocolate, à qual deu o nome “Saudade”.

Foram criados dois chocolates “Saudade”, o chocolate preto com 70% de cacau, que é usado atualmente na produção dos bombons da Denegro, e o chocolate de leite com 47% de cacau.

IMG_4265

Na Denegro todos os bombons são feitos artesanalmente em moldes de policarbonato, um plástico rígido polido com brilho. Cada bombom demora cerca de três dias a ser feito.

A maior parte dos bombons têm uma história. O bombom de queijo, por exemplo, deve-se ao facto do Chef ter estado emigrado em França. O de fumo, traz lembranças dos fumeiros da sua aldeia. O de alfazema, foi criado a pensar na sua mãe e o bombom de torrão deve-se a uma ligação de amizade com Alicante.

Todos estes bombons são feitos apenas com produtos naturais, sem qualquer tipo de conservantes, nomeadamente, os recheios com polpa de fruta ou pasta de frutos secos.

Achei o conceito da loja muito interessante, assim como a técnica artesanal escolhida, com moldes, na produção dos bombons.

Gostei especialmente da parte criativa dos recheios, da diversidade e da criação de bombons especiais, alguns deles com uma história por detrás, como é o caso do bombom de fumo, alfazema, de chá ou cardamomo.

Nota-se que a Denegro tem uma grande preocupação com a qualidade final dos seus produtos, bem como o modo como estes são feitos e as matérias primas utilizadas, em particular a qualidade do chocolate e dos recheios.

Percebi também que existe uma grande paixão, envolvendo toda a equipa, no processo de criação e venda dos chocolates. Se ainda não conhecem, vale a pena uma visita à Denegro!

IMG_4267

IMG_4268

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *